fbpx

Empreendedorismo Sustentável: 5 Áreas de Negócios Sustentáveis com Reciclagem

Olá! Tudo bem?

Nesse artigo vou falar sobre as Empreendedorismo Sustentável: 5 Áreas de Negócios Sustentáveis com Reciclagem

O Empreendedorismo Sustentável os Negócios Sustentáveis e a Reciclagem estão diretamente ligados ao tripé da Sustentabilidade.

De acordo com o tripé da sustentabilidade que comumente é chamado de triple bottom line, que abrange as atividades:

  • Social
  • Ambiental
  • Financeiro

 

Essas 3 atividades correspondem:

  • Ambiental– é o capital natural de uma empresa. É toda atividade econômica da empresa que gera impacto ambiental negativo. A empresa precisa verificar as possibilidades de reduzir os impactos ambientais e compensar o Meio Ambiente de alguma maneira aquilo que não é possível reduzir.
  • Social– é o capital humano de uma empresa. A empresa precisa gerar aos seus funcionários um ambiente de trabalho agradável, e pensar na saúde do trabalhador e da sua família.
  • Econômica– a empresa deve ser capaz de produzir produtos ou serviços de modo que seus preços sejam competitivos com os de seus concorrentes.

 

Está cada vez maior a preocupação com o meio ambiente e com os impactos causados pelo homem.

Acordos e protocolos são assinados com o compromisso de serem adotadas medidas para reduzir a ação do homem sobre o meio ambiente.

No caso do Brasil temos a lei 12.305 que é a nossa Política Nacional de Resíduos Sólidos.

Com isso está surgindo uma nova modalidade de empreendedorismo que vai se destacar nas próximas décadas que é o empreendedorismo sustentável que atua junto com a reciclagem.

O empreendedorismo sustentável, e de acordo com o IBOPE tem uma boa aceitação, pois:

  • 61% das pessoas disseram que mudariam seu modo de vida para beneficiar o meio ambiente
  • 70% pagariam mais produtos que não causem impactos ao meio ambiente.

 

O empreendedorismo sustentável é uma forma de negócio onde a geração de lucro é aliada ao desenvolvimento social e o meio ambiente, onde o objetivo do empreendedorismo sustentável é evitar a agressão ao meio ambiente, ou melhor, de preferência é não agredir de forma alguma o meio ambiente.

Se analisarmos friamente a reciclagem tem um papel fundamental junto ao empreendedorismo sustentável, pois a reciclagem é uma base muito forte nesse contexto.

Pensar em empreendedorismos sustentável é uma necessidade para o crescimento sustentável e para o desenvolvimento sustentável.

No meu ponto de vista um negócio sustentável dentro de um conceito de empreendedorismo sustentável é mais que ter atitudes sustentáveis simples como:

  • Reaproveitamento de água
  • Boas práticas para não gastar energia
  • Reduzir o consumo de papel
  • Desenvolvimento de projetos sustentáveis

Essas são algumas atitudes sustentáveis que toda empresa pode e precisa ter.

No Brasil:

  1. Produzimos 11.355.220 milhões de toneladas de lixo plástico
  2. A reciclagem de plástico é de 145.043 toneladas por ano
  3. A reciclagem de plástico é de 1,28% por ano
  4. 2017 geramos 71,6 milhões de toneladas de RSU (Resíduo Sólido Urbano) sendo que 42,3 milhões de toneladas de RSU, ou seja, 59,1% foi enviado para aterro sanitário.
  5. De 2012 a 2016 geramos 277 milhões de RCD (Resíduo da Construção Civil)

Esses números mostram que o empreendedorismo sustentável e a reciclagem trarão juntos muitas oportunidades de:

  • Gerar novos empregos
  • Criar novas profissões
  • Desenvolver novas empresas que surgirão da reciclagem
  • Novos negócios sustentáveis, que podem surgir da reciclagem
  • Desenvolvimento do empreendedorismo sustentável

 

As 5 Áreas de Negócios Sustentáveis com Reciclagem junto com o empreendedorismo sustentável são:

1) Cooperativas de Reciclagem

Dois exemplos de cooperativas de reciclagem muito interessantes de falar são a Yougreen e a Cooperativa Crescer.

A Yougreen localizada em São Paulo na Lapa, trabalha com um sistema de cooperativismo e produtividade, muito alinhada dos os princípios de Engenharia de Produção e eles  buscam soluções para os resíduos sólidos e fazem o gerenciamento do descarte desde a geração até o destino final.

Eles oferecem os serviços de:

  • Gestão integrada de resíduos
  • Conscientização
  • Coleta de resíduos
  • Logística reversa
  • Venda de recicláveis

 

A Cooperativa Crescer localizada em São Paulo na região de Pirituba trabalha com o tripé da sustentabilidade (Social, Ambiental e Financeiro)

Em seu site tem um painel chamado de Reciclômetro, muito que mostra a contagem total em toneladas de resíduos reciclados que é atualizado constrantemente.

Fonte: https://www.cooperativacrescer.org.br/

As atividades que eles trabalham são:

  • Coletar resíduos em condomínios residenciais, comerciais, empresas, indústrias e escola
  • Fazer a triagem, prensagem e comercialização dos materiais que foram coletados
  • Implantar a coleta seletiva em escolas, empresas e condomínios;

 

2) Reciclagem de PET

Dois exemplos bem interessantes de empreendedorismo sustentável e reciclagem são da Associação de Catadores de Cruz Alta – ACCA e do Sr. Wilson Pinotti de Araraquara interior de São Paulo.

A reciclagem na cidade de Cruz Alta no Rio Grande do Sul é feita em de garrafas PET, que ao invés de irem para o lixo, são usadas para produzir vassouras. Essa associação de catadores tem 135 pessoas no total, desses catadores, 15 catadores trabalham na produção de vassouras. Eles recebem ajuda de famílias, empresas e escolas que separam as garrafas que através da reciclagem se transformarão em vassouras.

O Sr. Wilson Pinotti de 70 anos que mora em Araraquara no interior de São Paulo transformou pistões, válvulas pneumáticas, bomba injetora e válvulas de embreagem em máquinas de reciclagem de garrafas PET em vassouras.

As vassouras recicladas duram dez vezes mais que as vassouras tradicionais, segundo ele.

A ideia que ele tinha e que tinha era reduzir a quantidade de plástico das estradas e rios e transformá-lo em alguma coisa útil.

Ele usa aproximadamente 220Kg de PET, ou seja, 7,2 mil garrafas e 64,8 mil metros de fios, para fazerem 360 vassouras grandes por mês.

É a ideia do Sr. Wilson Pinotti deu certo.

 

3) Reciclagem de Plástico

Mais dois bons exemplos de empreendedorismo sustentável são da Vitaplas e da Adidas.

A Vitaplas tem uma participação importante na reciclagem de plástico e no empreendedorismo sustentável, pois ela oferece soluções inovadoras em recuperação de plásticos.

Os principais produtos são o PEAD (Polietileno de Alta Densidade) granulado que também é usado na fabricação de galões de 20 litros.

O PEAD tem uma característica e propriedade termoplástica, que permite que sejam derretidos e moldados em qualquer formato sem perder sua estrutura. Dentro da cadeia produtiva podem ser usados na fabricação de potes, embalagens, caixas, peças entre outros produtos.

Com a matéria prima reciclada esses produtos têm como diferencial o custo reduzido.

Em 2018 a Adidas anunciou que a partir de 2024, irá de usar todo poliéster oriundo da reciclagem em seus calçados e que irá continuar aumentando gradativamente o uso de poliéster de plástico reciclado.

Essa atitude sustentável irá substituir o material “virgem” na produção de seus calçados.

A Adidas planejou deixar de usar plástico virgem, em seus produtos e nos escritórios, pontos de venda, armazéns e centros de distribuição a partir de 2018, segundo a porta-voz da Adidas, Maria Culp, com esta ação a Adidas pode economizar até 40 toneladas desse material desde 2018.

Esses são mais 2 exemplos do uso da reciclagem no empreendedorismo sustentável.

 

4) Coleta de Óleo de Cozinha para Reciclagem

No que tange o empreendedorismo sustentável a coleta seletiva e a reciclagem de óleo de cozinha temos os serviços da Coletar e a Preserva.

O óleo destinado de forma errada pode contaminar até 20 litros de água, e a Sabesp no período de junho de 2015 a maio 2016 e teve que fazer 185 reparos por quilômetro de esgoto, isso significa dizer que eles fizeram um desentupimento a cada dois dias.

A Coletar faz coleta seletiva de óleo vegetal que é o foco  principal deles.

Eles colocam uma embalagem de 50litros em locais parceiros como: comércios, condomínios, empresas, igrejas, escolas e hotéis e depois de cheio eles fazem a coleta. Eles estão localizados na região da Zona Leste em São Paulo.

 

A Preserva faz coleta de óleo comestível usado e depois faz a reciclagem, transformando em em matéria prima para produção do biodiesel.

Eles retiram do meio ambiente o óleo e fazem a destinação correta.

Eles atuam nas zonas Oeste e Sul da cidade de São Paulo e nos municípios de Barueri, Carapicuíba, Caucaia do Alto, Cotia, Embu das Artes, Ibiúna, Itapecerica da Serra, Itapevi, Jandira, Osasco, São Roque,Taboão da Serra e Vargem Grande Paulista.

A Preserva tem capacidade para beneficiar até 5 mil quilos de óleo por dia.

 

5)  Reciclagem de Resíduos da Construção Civil – RCC (Entulho ou Resíduos da Construção e Demolição – RCD)

De 2010 a 2016 a Construção Civil gerou 277 milhões de toneladas de entulho ou Resíduos da Construção Civil – RCC ou Resíduos da Construção e Demolição – RCD.

Esse é um mercado muito promissor para o empreendedor que quiser a vir trabalhar nesse seguimento, pois tem muito campo ainda pela frente para ser desenvolvido.

A maioria das usinas de reciclagem de Resíduos da Construção Civil produzem:

  • Areia Reciclada
  • Pedrisco reciclado
  • Brita 1 Reciclada
  • Bica Corrida Reciclada
  • Rachão

Vou citar aqui 2 empresas que fazem excelentes trabalhos diferentes mas ligados aos Resíduos da Construção Civil que são a:

  • Usimak
  • Renova Materiais Sustentáveis para a Construção Civil

A Usimak é uma empresa que desenvolve trituradores, máquinas e formas para produção de blocos de concreto.

Os blocos de concreto podem ser produzidos com Resíduos da Construção Civil e garrafa pet e:

  • Podem substituir até 25% dos agregados convencionais sem alterar as propriedades mecânicas
  • Produto de 20% a 30% mais barato
  • Resistência 39,5% superior, em média
  • Concreto reciclado apresentou elasticidade 14% superior à exigida pela ABNT.

 

A Renova Materiais Sustentáveis para a Construção Civil é uma empresa que atua há mais de 18 anos coletando e destinando Resíduos da Construção Civil contribuindo para a sustentabilidade e degradação ao meio ambiente.

Ela produz areia reciclada e pedrisco em sacos de 20Kg, grelhas, pavers e elementos vazados feitos de agregado reciclado.

“A areia reciclada Renova é um produto novo no mercado, resultado da britagem exclusiva de resíduos de concreto e de blocos de concreto”, isento de impurezas, contribui para a qualidade e excelente custo/benefício.

 

Veja que existe um campo enorme de negócios sustentáveis e muitas oportunidades de ser desenvolvido o empreendedorismo sustentável e a reciclagem.

Para o desenvolvimento do empreendedorismo sustentável é preciso fazer:

  • Reciclagem
  • Logística reversa

 

Mande sua sugestão ou entre em contato:

11 991378894 ou luchezzi@luchezzi.com 

 

É isso aí!

Um GRANDE abraço!

Força, fé, coragem, perseverança, amor, disciplina, atitude e muito otimismo

Celso Luchezzi

Oportunidades de Negócios com Economia Circular

 

#Empreendedorismo Sustentável #Negócios Sustentáveis #Reciclagem #Sustentabilidade #atitudes sustentáveis #Cooperativas de Reciclagem #Reciclagem de Pet #Reciclagem de Plástico #Coleta de Óleo de Cozinha para Reciclagem #Reciclagem de Resíduos da Construção Civil #Logística reversa

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on linkedin
LinkedIn
Share on twitter
Twitter